Home Broker: O que é, vantagens, como usar e DICAS

O home broker é uma plataforma operacional que conecta o investidor ao ambiente de negociações da bolsa de valores. Por meio dele é possível enviar ordens de compra e venda de diferentes ativos e derivativos negociados diariamente no mercado financeiro.

A bolsa de valores atrai muitos brasileiros. Entretanto, a falta de conhecimento de como acessá-la acaba afastando outras pessoas de bons investimentos em renda variável. O que nem todos sabem é que o acesso ao mercado pode ser feito de maneira prática, por meio de um home broker.

Seja para investir ou para especular, o home broker é uma das portas de entrada para o mercado de capitais e futuros. Por meio dele o interessado consegue ter autonomia para escolher os investimentos que mais se adequam ao seu perfil e seus objetivos.

Se ainda não conhece o que é um home broker, suas vantagens e como usá-lo acompanhe este conteúdo. Ao final, você ainda poderá ver algumas dicas importantes sobre como escolher o melhor home broker.

Vamos lá?

O que é home broker?

O home broker é uma plataforma operacional que conecta o investidor ao ambiente de negociações da bolsa de valores. Por meio dele é possível enviar ordens de compra e venda de diferentes ativos e derivativos negociados diariamente no mercado financeiro.

O termo inglês “home” significa casa, já o termo “broker” – derivado do francês “broceur”, pequeno comerciante – passou a ser designado ao intermediário ou corretor do mercado de capitais. Logo, home broker tem seu significado atrelado ao fato de se poder negociar na bolsa dentro de casa.

O home broker foi criado com o objetivo de facilitar e estimular a entrada de pessoas físicas na B3 – a bolsa de valores brasileira. No passado, o interessado em fazer um investimento precisava ligar para um corretor de valores mobiliários e passar as ordens de compra e venda por telefone.

Atualmente, basta possuir um computador ou dispositivo móvel com internet para acessar o home broker e conseguir fazer as negociações. Praticamente todas as instituições oferecem aos seus clientes um home broker. Assim, existem diversas opções disponíveis.

Você está lendo: Home Broker: O que é, vantagens, como usar e DICAS

Como é uma plataforma home broker?

Como você viu, essa plataforma permite fazer investimentos ou operações direto da sua casa. Mas como o home broker funciona?

Por uma regra imposta pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários) não é possível negociar na bolsa de valores sem o intermédio de um banco de investimentos ou corretora de valores. Essas instituições fazem o intermédio dos clientes com a B3, justamente através de um home broker.

Então, ao acessar a plataforma pela internet você conseguirá emitir ordens de compra e venda de diferentes ativos e derivativos negociados diariamente no mercado. Além disso, poderá acompanhar cotações, notícias e negociações, tudo do conforto do seu lar ou em qualquer lugar.

De modo geral, o home broker tem uma aparência muito semelhante aos sistemas de internet banking disponibilizados pelos bancos. Contudo, ele é customizado para apresentar informações sobre o mercado financeiro e, assim, facilitar a tomada de decisão.

Quais as principais funcionalidades de um home broker?

Cada home broker de um banco de investimentos pode contar com funcionalidades diferentes. Entre as principais, destacam-se:

  • envio de ordens de compra e venda;
  • acesso ao livro de ofertas dos ativos e derivativos;
  • consulta às cotações em tempo real;
  • consulta às ordens enviadas, canceladas ou executadas;
  • consulta aos investimentos que estão sob a custódia do investidor;
  • lista das ações com maior percentual de alta no dia;
  • lista das ações com maior percentual de baixa no dia;
  • lista das ações mais negociadas naquele pregão;
  • lista das ações com maior volume financeiro negociado.

Home broker x mesa de operações 

Quem ainda tem receio de fazer operações por conta própria com o uso de um home broker, pode se valer de uma mesa de operações. Nela, existem profissionais habilitados para operar no mercado. Eles integram a equipe dos bancos de investimentos e estão a serviço dos clientes.

Com a facilidade e praticidade trazidas pelo home broker, o uso da mesa de operações está cada vez mais raro. Normalmente ela é utilizada por investidores que pretendem fazer um aporte muito expressivo e não querem correr o risco de errar a operação, por exemplo.

Além disso, a grande diferença entre usar o home broker ou a mesa de operações está relacionada aos custos. Geralmente, operar pelo home broker resulta em uma taxa de corretagem fixa por operação. Já na mesa de operações é cobrado um percentual da negociação.

Você está lendo: Home Broker: O que é, vantagens, como usar e DICAS

Afinal, o home broker é seguro?

Ao conhecer as principais funcionalidades do home broker e suas vantagens em relação à mesa de operações, talvez você queira saber se ele é seguro.

A resposta é sim, o home broker é uma plataforma segura. Principalmente quanto é fornecida por um banco de investimentos de confiança – como o BTG Pactual digital.

Os riscos existentes ao se operar por meio de um home broker estão mais relacionados aos erros operacionais do usuário do que efetivamente a falhas da plataforma. É muito comum um investidor inexperiente se equivocar ao enviar uma ordem, por exemplo.

É preciso ficar atento, pois na bolsa de valores é possível vender ativos e derivativos mesmo sem tê-los em carteira. Assim, por equívoco um investidor pode lançar uma ordem de venda quando pretendia comprar o ativo.

Nesses casos, como você viu, pode ser interessante contar com a mesa de operações. Estudar a plataforma e saber como ela funciona também é essencial para reduzir as chances de fazer algo errado.

Ademais, vale a pena buscar por bancos de investimento que ofereçam um suporte educacional de seu home broker – como o Guia do Home Broker do BTG Pactual digital. Desse modo, você aprenderá sobre todas as funcionalidades da plataforma, de forma a ir mais preparado para o mercado, evitando erros operacionais.

Além disso, atente-se aos riscos dos ativos e derivativos que você opera. O home broker pode ser muito seguro, mas isso não significa que as negociações não envolvam riscos. A renda variável apresenta possibilidades de maior risco, então é preciso entender o mercado.

Você está lendo: Home Broker: O que é, vantagens, como usar e DICAS

5 Vantagens de utilizar uma plataforma home broker

Ainda está com dúvidas a respeito da utilização do home broker para fazer suas negociações no mercado financeiro? Confira 5 vantagens de utilizar esse sistema:

1. Agilidade

Uma das principais vantagens do home broker é a agilidade. Como ele repassa ao investidor as cotações dos ativos e derivativos em tempo real, é possível fazer operações nos momentos mais oportunos. Isso é bastante útil para quem especula no mercado.

2. Autonomia

Outra vantagem está relacionada à autonomia. Ao se valer de um home broker, o investidor tem a autonomia de analisar e escolher os investimentos mais adequados aos seus objetivos, sem precisar acompanhar ou aguardar a orientação de um analista ou assessor de investimentos.

3. Economia

A economia também é um destaque quanto às vantagens de utilizar o home broker. Isso porque os custos com a taxa de corretagem nas operações feitas são menores que os cobrados na negociação via mesa de operações.

4. Diversificação

Por meio de um home broker o investidor tem acesso a uma grande gama de oportunidades no mercado, não se limitando às ações. Por exemplo, é possível investir em FIIs (Fundos Imobiliários), ETFs (Fundos de Índice), BDRs (Brazilian Depositary Receipts), entre muitos outros.

5. Praticidade

Outro ponto positivo que se destaca é a praticidade. Isso porque, como visto, para acessar o home broker basta possuir um computador, notebook ou celular com acesso à internet. Ou seja, o acesso ao ambiente de negociações da bolsa pode ser feito de qualquer lugar do mundo.

Qual a melhor plataforma de home broker? Saiba como escolher a ideal

Escolher o melhor home broker não é uma tarefa muito complexa, mas exige um pouco de atenção. Primeiramente, é pertinente buscar as opções fornecidas por grandes instituições – lembre-se que o BTG Pactual digital é o maior banco de investimento da América Latina.

Posteriormente, é preciso analisar se as funcionalidades oferecidas atendem a todas as suas necessidades, seja para investir ou especular. Contar com um home broker que permita realizar boletas rápidas, por exemplo, pode agilizar as operações – o que é benéfico, principalmente, para a especulação.

Outro ponto importante de ser verificado são os preços cobrados. O número de operações que você pretende fazer pode influenciar nos seus resultados, a depender das taxas cobradas. Quanto maiores forem as taxas de corretagem, mais o investidor precisará desembolsar para investir.

Se você quer contar com baixas taxas de corretagem e uma plataforma com todas as funcionalidades necessárias para investir ou especular, comece com o home broker do BTG Pactual digital.

Com ele, você poderá personalizar até 4 workspaces e terá cards simplificados para visualizar as cotações em tempo real de forma facilitada. Além disso, poderá acessar um mini book de ofertas com as melhores ofertas de compra e venda, entre outras ferramentas.

E, para ter certeza de que você fez a melhor escolha entre as alternativas do mercado, vale acompanhar mais algumas dicas:

Conhecer a instituição

Além dos bancos de investimentos, algumas instituições financeiras oferecem acesso a um home broker. Contudo, elas costumam ter limitações importantes, como uma plataforma pouco intuitiva e sistema pouco confiável.

Então, procure pela reputação delas no mercado e pela experiência de outros clientes sobre a estabilidade ou confiança de seus serviços.

Saber quais são os custos para operar

Como foi visto, fazer operações na bolsa de valores envolve custos. Então, procurar por alternativas que ofereçam descontos ou vantagens para quem opera com mais frequência ou quem movimenta altos valores pode fazer bastante diferença.

Pesquisar se há suporte e atendimento eficientes 

É de grande importância verificar se a instituição financeira possui um bom suporte ao cliente e um atendimento eficiente. Como o acesso ao home broker se dá pela internet, eventuais quedas de conexão podem deixar você preso a uma operação – expondo a riscos ainda maiores.

Essa situação pode ser contornada com um atendimento célere da equipe de seu banco de investimento, já que a operação poderá ser encerrada pela mesa de operações, por exemplo. Por isso, confira se o suporte prestado pela instituição escolhida é ágil e satisfatório.

Avaliar a estabilidade e a confiabilidade da plataforma

A estabilidade do home broker é um dos fatores mais importantes a serem avaliados. Isso porque de nada adiantará você ter autonomia, agilidade e conhecimento de mercado se a plataforma não permitir que você opere com fluidez e consistência.

Como começar a usar o home broker?

Ao chegar até aqui você já acumulou bastante conhecimento a respeito do home broker. Saiba agora como deve fazer para usar essa ferramenta nas suas operações ou investimentos.

Por exemplo, o que fazer caso você tenha o interesse em comprar ações de uma companhia? O primeiro passo será abrir uma conta em um banco de investimentos que forneça um bom home broker, como o BTG Pactual digital.

Na sequência, você precisará ingressar no home broker digitando seus dados de acesso e a senha cadastrada. O próximo passo será digitar o ticker de negociação da empresa, para acessar a cotação daquele ativo e seu livro de ofertas – onde constarão as ofertas de compra e de venda.

Ao decidir prosseguir na aquisição dos papéis, você precisará escolher a quantidade e o valor que aceita pagar. Por fim, basta selecionar a opção comprar que a ordem de compra será enviada para o mercado. A execução do negócio depende da existência de uma contraparte interessada.

Assim que a ordem for executada, essa informação aparecerá no home broker. Ao final do período de liquidação, as ações serão incluídas em sua carteira de investimentos e o valor pago por elas será deduzido do saldo que você mantém junto ao seu banco de investimentos.

Assista ao vídeo abaixo e conheça um pouco mais o home broker do BTG Pactual digital.

https://youtube.com/watch?v=t3iwx6FYtSI%3Ffeature%3Doembed

Como o BTG Pactual digital te ajuda a investir com o home broker?

O acesso ao home broker do BTG Pactual digital é online e gratuito. Por meio dele, é possível negociar ativos e derivativos de maneira prática e segura de onde estiver. Ademais, você somente pagará pelas taxas dos serviços utilizados.

O home broker do BTG Pactual digital reúne todas as funcionalidades que você precisa para investir ou especular. E com apenas alguns cliques, é possível enviar ordens de compra e venda, acessar sua carteira de investimentos, ver cotações em tempo real e saber tudo que acontece no mercado.

Conclusão 

Como pode ser visto, investir na bolsa de valores é mais fácil quando se usa um home broker. De toda a forma antes de investir é importante avaliar o seu perfil de investidor e os seus objetivos. Mesmo porque os investimentos em renda variável possuem riscos que devem ser ponderados.

Quer explorar a bolsa de valores com a nossa ajuda? Entre em contato conosco.

Fonte: btgpactualdigital


0 comentários

Deixe uma resposta

Avatar placeholder

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *